Idosos com 82 anos de casados dizem que segredo é “manter Deus” no casamento

Aos 100 anos, Willie Williams tem como sua melhor lembrança a primeira vez que conheceu seu marido, Daniel W. Williams, de 103 anos. Desde então, já são 82 anos na jornada do casamento.

“Nos conhecemos na igreja. Nos tornamos amigos e começamos a conversar um com o outro… Isso foi há tanto tempo”, disse Willie ao The Christian Post, lembrando que na época tinha entre 12 e 13 anos.

Os dois se casaram anos mais tarde, quando Willie completou 18 anos e Daniel tinha 21 anos. Daniel tem dificuldades de audição, mas ele se lembra de ter sido atraído pela beleza de Willie.

Hoje eles vivem em Charlotte, na Carolina do Norte (EUA) e fazem parte da Igreja Batista do Memorial de Mayfield. Para o casal, sua fé tem sido uma grande responsável por sua longevidade. “Nós vamos à igreja todos os domingos. Isso é uma obrigação em nossa casa. Nós devemos ir à igreja”, disse ela.

Willie acredita que, se as pessoas seguissem os princípios da fé cristã, elas se tratariam melhor e aprenderiam mais umas com as outras. “Você aprende como tratar as pessoas e fazer a coisa certa quando está na igreja. Para mim, eu deveria ser diferente das pessoas que não pertencem à igreja”.

Além de frequentar a igreja semanalmente e receber visitas da família, Willie passa muito tempo com o marido todos os dias. “Nos sentamos e conversamos um com o outro”, disse ela. “Nós fazemos companhia um ao outro.. Estamos juntos há muito tempo”.

Casamento: uma lição

Olhando para seu aprendizado, Willie ofereceu um pequeno conselho para as pessoas que estão lutando em seu casamento: “Você deve manter Deus em sua vida. Você não pode ficar sem Ele. Você deveria ter Deus em sua vida, orar e pedir uma direção”, orientou.

Willie revela que não teve nenhum problema difícil em seu casamento, pois ambos entenderam que deveria sempre se comunicar de forma clara.

“Você pode não acreditar, mas não tivemos nenhum momento difícil. Nós sempre sentamos e conversamos sobre as coisas. Nós discutimos e vimos qual foi a melhor ideia, a melhor maneira de lidar com isso”, disse ela.

A idosa enfatizou que a vida é mais simples quando os casais tentam resolver as coisas juntos. “Nós sempre sentamos juntos quando algo estava errado, para ver qual era o melhor método para seguir”, conta.

 

O marido concorda que uma comunicação aberta tem sido um elemento importante no sucesso de sua união. “Se você ver algo errado [com sua esposa], apenas fale com ela sobre isso. É assim que vejo”, disse Daniel. “Quando você faz a coisa certa, fica longe de problemas e mantém uma vida limpa”.

Desde o início, Willie conta que eles entenderam que tinham que contribuir para o sucesso do casamento. Então, além de estarem comprometidos com sua fé, ambos trabalharam para contribuir com as finanças de sua família.

“Nós dois trabalhamos. Isso foi uma obrigação em nossa casa. Você deveria trabalhar”, afirmou.

“Vida limpa”

Com o passar dos anos, Willie conta que as pessoas de sua comunidade passaram a pedir conselhos sobre como conseguiram viver por tanto tempo.

“Eles querem saber o que estamos fazendo para ter uma vida tão longa. E apenas dizemos a eles, tenha uma vida limpa”, disse a cristã devota, que aconselha as pessoas a não beberem e comerem alimentos simples.

“Apenas comida simples, não comemos muitos alimentos ricos”, disse ela sobre sua alimentação. “Nós tentamos comer as coisas certas. Se você sente que é bom para você, coma e não fizer bem para você, não coma mais”.

Ela mesma é quem prepara as refeições, mas recebe ajuda com a limpeza.

Willie garante que, para a idade do casal, os dois estão “muito bem” de saúde. Eles não tomam nenhum tipo de vitamina ou remédio — no máximo uma dose de Tylenol para amenizar a dor de cabeça.

A idosa medita muito no texto bíblico de Mateus 5:8, que diz: “Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a Deus”. “Eu sempre amei esse versículo”, observou.

 

 

COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN POST