Campanha de vacinação antirrábica começa no Tocantins

No Tocantins, a campanha de vacinação de cães e gatos contra raiva se iniciou na última quarta-feira, 1º, e segue até o dia 31 de março. A expectativa da Secretaria de Estado da Saúde é que os municípios vacinem contra a raiva cerca de 307.000 animais domésticos em todo o Estado, sendo cerca de 243 mil cães e 64 mil gatos.

O Dia D de Vacinação Antirrábica acontece no sábado, 18. Nesta data, postos de vacinação devem funcionar em vários pontos das cidades para garantir amplo acesso à vacinação, principal forma de prevenção da doença. “Alguns municípios iniciaram antecipadamente a vacinação nas zonas rurais. Isso aconteceu em municípios que buscaram material com antecedência e que já estavam com estrutura organizada”, explicou a gerente de Doenças Vetoriais e Zoonoses, Carina Graser Azevedo.

Ainda de acordo com a gerente, as secretarias municipais de saúde foram orientadas a se organizarem de modo que a campanha seja amplamente divulgada em suas localidades. “É importante garantir que todas as pessoas possam levar seus animais para vacinação e garantir a imunização deles”, completou Carina.

Transmissão

A raiva é uma zoonose viral que se caracteriza como uma encefalite progressiva aguda e letal. Como todos os mamíferos são suscetíveis ao vírus da doença, deve-se procurar imediatamente o serviço de saúde mais próximo logo após a ocorrência de qualquer ferimento provocado por animais domésticos, animais silvestres, como morcegos e animais de produção, como suínos, bovinos e equinos.

“Qualquer ferimento merece atenção. É importante procurar imediatamente após a agressão uma equipe de saúde, porque somente uma avaliação profissional vai dizer se será preciso indicar algum esquema profilático e qual o esquema é necessário para cada caso”, completa  Carina Graser Azevedo, acrescentando que no caso de agressões por animais domésticos, como cães e gatos, estes também precisarão ser observados por até dez dias após o episódio.

 

Juliana Matos – G.T