Polícia Civil prende dois foragidos da Justiça no interior do Estado

Um trabalho investigativo realizado por policiais civis da Delegacia de Xambioá, sob o comando do delegado Wilson Cabral Júnior, resultou na prisão de Paulo de Jordão Coelho da Silva, 21 anos e de Welton Filho dos Santos, 19. Ambos são suspeitos de praticar vários crimes naquele município e foram capturados neste final de semana, mediante cumprimento de mandados de prisão preventiva.

 

Conforme o delegado Wilson Cabral Júnior, Paulo de Jordão foi indiciado, ainda em 2016, por roubo, corrupção de menores, e adulteração de sinal identificador de veículo automotivo. Conforme provas colhidas durante as investigações, no dia 14 de dezembro de 2106, o delegado representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão do suspeito em virtude da prática dos crimes mencionados. No entanto, a prisão só foi decretada pelo judiciário no dia 17 de fevereiro de 2017 e cumprida, no último fim de semana.

 

No ano passado (2016), Paulo de Jordão foi indiciado pela Polícia Civil em dois inquéritos, sendo um pelo crime de roubo e outro por furto. Já em 2017, o indivíduo foi indiciado em mais dois inquéritos, sendo um por adulteração de sinal identificador de veículo e outro por roubo.

 

Welton Filho foi indiciado, no ano de 2105, por furto qualificado e roubo majorado, e no dia 30 de maio de 2015, o delegado Wilson Júnior representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão preventiva do mesmo, sendo esta decretada, pelo juízo da Comarca de Xambioá, somente nesta segunda-feira, 20, a qual foi cumprida, de imediato, pelos policiais.

 

Ainda de acordo o delegado de Xambioá, Welton Filho é investigado pelo crime de roubo e roubo majorado, crimes já praticados no ano de 2017. Após os procedimentos cabíveis, Paulo de Jordão e Welton Filho foram recolhidos à Cadeia Pública da cidade, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

 

Rogério de Oliveira – SSP/TO