Reality show gravado no Parque Estadual do Jalapão será exibido em circuito nacional nesta terça-feira

Produtora doou R$ 12.500,00, valor convertido na aquisição de equipamentos e mobiliário

Nesta terça-feira, 14, às 19h50min, a Discovery Channel, vinculado aos canais de TV por assinatura, exibirá em circuito nacional, o episódio “Dual Survival”, um reality show conhecido internacionalmente, que teve suas gravações no Parque Estadual do Jalapão (PEJ), no mês de junho do ano passado.

As gravações do programa foram possíveis após acordos realizados entre o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e a Camêlo Produções, produtora localizada no Rio de Janeiro, que doou ao órgão ambiental R$ 12.500,00, valor convertido na aquisição de equipamentos e mobiliário, destinados ao escritório do PEJ, onde está localizada a supervisão do Parque.

A produtora também seguiu todas as orientações de uso de imagem constantes na legislação vigente, bem como o plano de manejo das Unidades de Conservação de Proteção Integral, que são de responsabilidade do Instituto. Mateiros recebeu um incremento de aproximadamente R$ 80 mil

Após servir de cenário para a gravação, esta é a oportunidade que os telespectadores terão para conhecer um pouco das belezas naturais do lugar.

Outro fator relevante é que, a rica biodiversidade do Jalapão movimentou a economia da região por diversas razões. A exemplo do município Mateiros, que recebeu um incremento de aproximadamente R$ 80 mil, devido a contratação de serviços como mão de obra local, hospedagem, alimentação e locação de veículos, que somaram sete.

“Observamos um grande benefício para a região, com a vinda da equipe de cerca de 12 americanos. Entre eles atores, pessoal da produção e equipe técnica. Para dar suporte as gravações, eles contrataram 15 pessoas da comunidade local”, destacou o gerente das Unidades de Conservação, Parques Estaduais e Monumento Natural, Marcelo Henrique.Empresas interessadas em filmar o fotografar no PEJ devem entrar em contato com o NaturatinsMão de obra local foi contratada para apoio ao episódio

O gerente assegura que à época, foram levantados os custos que a produtora teve com as gravações do programa. “Levantamos os gastos que a equipe teve e, somente em Mateiros, eles deixaram cerca R$ 80 mil, em 10 dias. Já que nos três primeiros dias, só esteve presente o produtor responsável, que foi levado às trilhas pelo mateiro (guia local), que foi contratado. Na ocasião ocuparam uma pousada inteira e mais da metade de outra hospedaria”, explicou.

 

Tânia Caldas – Naturatins/TO

CLOSE
CLOSE