Jovem embaixador do Tocantins fala de suas aprendizagens nos Estados Unidos

Guilherme com a família americana que o adotou

Depois de um intercâmbio de três semanas nos Estados Unidos, o estudante Guilherme Gandara da Fonseca, 17 anos, aluno da Escola Estadual de Lavandeira, chegou ao Tocantins, trazendo na bagagem novas experiências e novos sonhos. Ele, juntamente com 49 jovens brasileiros, participou do programa Jovens Embaixadores edição 2017. Nos Estados Unidos eles visitaram escolas, instituições governamentais, pontos turísticos, trocaram experiências com alunos e residiram em lares de famílias americanas.

Agora, Guilherme e outros quatro jovens terão que desenvolver um projeto que traga benefício para a sociedade. “Agora vou reservar um tempo para pensar e organizar todas as ideias e aprendizagens para definir os próximos passos de minha vida”, contou.

“Nós aprendemos uns com os outros. Crescemos, adquirimos novos valores, e aumentou nossa vontade de mudar o mundo com pequenas maneiras. O programa Jovens Embaixadores tem essa capacidade de transformar o que somos por dentro e nos deixar fortes em todos os aspectos”, contou.

Além das experiências de vida, Guilherme explicou que agora fala inglês com fluência, desenvolveu a capacidade de atuar em projetos sociais e de liderança.

Para ele, a experiência mais marcante foi quando estava saindo de um restaurante, com uma amiga, carregando um pedaço de pizza e um refrigerante, quando viu um senhor morando na rua e eles deram o alimento para essa pessoa. “Esse senhor ficou tão feliz, que nos comoveu, e percebemos que são nos pequenos gestos que poderemos fazer algo grandioso”, frisou.

A diretora da Escola Estadual de Lavandeira, localizada em Lavandeira, sudeste do Tocantins, Jilene Belarmina da Silva, explicou que o aluno Guilherme sempre se destacou na escola nas áreas de comunicação, dança, teatro e música. “Ele é um aluno exemplar”, disse. Guilherme está concluindo o ensino médio, e foi aprovado, por meio da classificação do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), em primeiro lugar no curso de Jornalismo na Universidade Federal do Tocantins.

O programa Jovens Embaixadores é uma realização da Embaixada dos Estados Unidos. Participam jovens com idade entre 15 e 18 anos, estudantes de escolas públicas que estejam no ensino médio, que realizem trabalhos voluntários e falem a língua inglesa.

 

Josélia de Lima  – Ascom Seduc/TO